2007/2008 Taça Inter-Troféus

A participação da UMKarting na 7ª edição da Taça Inter-Troféus

A Taça Inter-Troféus (TIT) é uma competição que se realiza anualmente, desde 2003, no último sábado de Janeiro e que reúne os melhores classificados de troféus de karting “amador” de todo o país. Além de consagrar o troféu dos troféus, é uma festa-convívio dos amantes do karting nacional. A UMKarting esteve sempre representada nas 7 edições da prova.

A participação da UMKarting nas 6 edições anteriores pode resumir-se na seguinte tabela:

Os representantes UMKarting na 7ª edição da TIT foram: Luís Cunha, Vítor Fernandes, Luís Gachineiro, Carlos Dias e José Moreira. Esta edição da TIT realizou-se no dia 31 de Janeiro de 2009, no kartódromo de Fátima (Funpark). O traçado da pista é muito técnico e difícil de aprender, mesmo para pilotos experimentados. A frota de karts posta à disposição dos organizadores da TIT (Rui Almeida dos “Ases pelos Ares”, António Fonseca dos “Cavaleiros do Asfalto”, Paulo Figueiredo do “Víruskart” e Marco Montenegro) eram os PCR com motor Honda 390 cc, com uma particularidade ajudou a que no final do dia não houvesse queixas de comportamentos anti-desportivos: o “spoiler” (bico) frontal soltava-se do kart em case de colisão, o que obrigava uma ida à box para colocar um novo spoiler.

O esquema desta competição consistia em 5 mangas de classificação, com 20 pilotos cada, em que os 12 melhores classificados em cada manga, e alguns 13os, ficariam classificados para as 3 meias-finais. Os restantes só voltariam a conduzir na Final C ou na Final D. Os 7 melhores classificados de cada meia-final teriam acesso à Final A, os pilotos classificados entre o 8º e o 14º teriam acesso à final B e os restantes à Final C.

Mangas de Classificação:

O primeiro piloto UMKarting a entrar em acção foi Carlos Dias (recém ex-aluno da UM). Os treinos não lhe correram bem (14º), mas o Carlos é um piloto que gosta dos grandes momentos e durante a corrida efectuou uma recuperação que o levou ao 6º lugar.

Na 2ª manga de classificação foi a vez de José Moreira entrar em acção. Numa altura em que a pista apresentava condições intermédias entre seco e chuva, começou por fazer o 3º tempo dos treinos mas o kart foi gradualmente perdendo capacidade de saída das curvas mais lentas e o piloto classificou-se em 10º nos treinos. Na corrida esteve seguro e consistente e terminou no 11º lugar.

Luís Cunha participou na 3ª manga de classificação, a mais rápida das 5. Conseguiu obter o 2ªlugar da grelha, a somente 0.029 s da pole. Na partida perdeu um lugar para Luís Vaz, dos “Ases pelos Ares”, mas rapidamente recuperou o 2º lugar que manteve com segurança até ao final da corrida.

Vítor Fernandes foi o representante UMKarting na 4ª manga de classificação. Partiu da 12º posição da grelha e durante a corrida, lutou sempre, mas não conseguiu melhor que o 10º lugar.

Finalmente Luís Gachineiro disputou a 5ª manga de classificação. Partiu do 16º lugar. Durante a corrida, conseguiu ocupar a 14ª posição e lutar pela 13ª, mas o kart revelava algumas falhas de motor à saída das curvas mais apertadas e apesar da luta que deu as seus adversários, isso impediu-o de melhor que um 15º lugar, tirando-lhe o acesso a uma meia-final.

Nesta fase da prova a UMKarting tinha 4 pilotos apurados para as meias-finais e 1 piloto na final C.

Meias-Finais

Victor Fernandes participou na primeira meia-final. Devido à sua classificação na manga de classificação, partiu numa posição muito má, mas o seu espírito lutador permitiu que recuperasse até 14º lugar o que lhe permitiu o acesso à final B.

José Moreira partiu de 19º devido ao 11º lugar obtido na manga de classificação. Uma vez que partiu do fundo da grelha optou por uma táctica de corrida agressiva tendo ganho quatro posições nas duas primeiras voltas da corrida. Infelizmente um pião do piloto que seguia à sua frente fê-lo perder 3 posições. Na volta seguinte dois pilotos que seguiam imediatamente à sua frente chocaram e José Moreira acabou também por se envolver neste acidente e perdeu o spoiler dianteiro. Penalizado por estes contratempos, terminou a sua corrida em 16º lugar e garantiu o acesso à Final C.

Para a 3ª meia-final esperava-se que a chuva viesse a marcar a sua presença, no entanto para a partida a pista ainda estava seca. Luís Cunha ocupava o 2º lugar da grelha e Carlos Dias o 10º. Dada a partida Luís Cunha perdeu 2 lugares, mas o Carlos recuperou até 6º. A chuva fez a sua aparição a meio da corrida. Luís Cunha manteve a 4ª posição até final da corrida, mas Carlos Dias cometeu um excesso e baixou para 14º. Mas o Carlos voltou a mostrar a sua apetência pelos grandes momentos. Cerrou os dentes e foi recuperando até ao 8º, muito perto do 7º que lhe daria acesso à Final A.

Nesta fase da prova a UMKarting tinha 1 piloto apurado para a final A, 2 para a final B e 2 para a final C.

Finais:

Nenhum piloto UM-Karting esteve presente na final D.

Para a final C havia 2 pilotos: José Moreira e Luís Gachineiro. Sob chuva intensa, Luís Gachineiro partiu bem, mas um toque de um piloto fê-lo perder o spoiler dianteiro. Após a passagem pela box, fez uma série de voltas muito rápidas (tendo sido o 2º piloto mais rápido em pista) e conseguiu recuperar até ao 14º lugar. José Moreira partiu do 4º lugar e, perante as condições muito adversas da pista, optou por não arriscar e manter a sua boa posição da grelha. A poucas voltas do fim e quando rodava em 3º, acabou por não conseguir evitar um pião tendo terminado a sua prova em 9º lugar.

Na Fina B havia mais 2 pilotos a representar a UMKarting: Carlos Dias e Vítor Fernandes. Carlos partiu do 3º lugar da grelha e consegui de imediato colocar-se no segundo lugar, pressionando durante quase toda a corrida o líder. Não tendo conseguido ultrapassá-lo, um elemento dos Cavaleiros do Asfalto foi-se aproximando e conseguiu ultrapassar o Carlos, que terminou em 3º. Vítor Fernandes sempre lutador obteve o 10º lugar da final C.

Na final A, Luís Cunha partiu da 11ª posição. Perante o dilúvio só teve uma coisa em mente. Conter-se o suficiente para não sair de pista, nem dar toques que o fizessem perder o spoiler. Este espírito fê-lo perder lugares após a partida, mas também permitiu que fosse paulatinamente ultrapassando os adversários, devido a erros que cometiam, ou devido a mérito próprio. A cerca de metade da duração da corrida, quando se encontrava em 9º, perto dos pilotos que o precediam imediatamente, o 8º fez pião à sua frente o que obrigou a ir à relva e gravilha, ficando atascado e com o motor parado. Teve de puxar o kart para a pista e fazer com que o motor pegasse de novo. Com este incidente, ficou em 20º e o que restava da corrida só permitiu que recuperasse até 14º.

No final a classificação da UMKarting na 7ª edição da TIT foi o 7º lugar, a somente 2 pontos do 6º (Funkart).

Os vencedores foram o “Clube Millenium BCP”, seguidos pelos “Ases pelos Ares” e KPC.

1 – BCP – Clube Millennium BCP

2 – APA – Ases Pelos Ares

3 – KPC – Karting Prazer em Conviver

4 – KAP – Grupo KAPA

5 – CAV – Cavaleiros do Asfalto

6 – FUN – Funkart

7 – UMK – UM Karting

8 – VIR – VIRUS Kart

9 – KCM – Kartincenter de Matosinhos

10 – ENG – Ordem dos Engenheiros

11 – ORM – Ormei

12 – IHS – In Hoc Signo Vinces

13 – MCK – Open Cummings by McKart

14 – IKK – IKK Open

15 – KUP – Kartkup

16 – KBG – Kartbraga

17 – NKO – North-Kart Open

18 – JFF – Just4fun

19 – IKF – Indoor Karting de Famalicão»

Recortes da imprensa:

TESTDRIVE: "7ª Edição da Taça Inter Troféus: Clube Millennium venceu"

«Disputou-se no último sábado a 7ª edição da Taça Inter-Troféus.

Aquela que é considerada justamente a prova rainha do karting de lazer, reuniu desta vez os dezanove melhores troféus do país nesta vertente.

(...)

1 – BCP – Clube Millennium BCP 2 – APA – Ases Pelos Ares 3 – KPC – Karting Prazer em Conviver 4 – KAP – Grupo KAPA 5 – CAV – Cavaleiros do Asfalto 6 – FUN – Funkart 7 – UMK – UM Karting 8 – VIR – VIRUS Kart 9 – KCM – Kartincenter de Matosinhos 10 – ENG – Ordem dos Engenheiros 11 – ORM – Ormei 12 – IHS – In Hoc Signo Vinces 13 – MCK – Open Cummings by McKart 14 – IKK – IKK Open 15 – KUP – Kartkup 16 – KBG – Kartbraga 17 – NKO – North-Kart Open 18 – JFF – Just4fun 19 – IKF – Indoor Karting de Famalicão»

UMDicas: "Kartings da UMinho aceleram na Taça Inter-Troféus"

«A Taça Inter-Troféus (TIT) é uma competição que se realiza anualmente, desde 2003, no último sábado de Janeiro e que reúne os melhores classificados de troféus de karting "amador" de todo o país. (...)

No final a classificação da UMKarting na 7ª edição da TIT foi o 7º lugar, a somente 2 pontos do 6º (Funkart).

Os vencedores foram o "Clube Millenium BCP", seguidos pelos "Ases pelos Ares" e KPC.»