Fátima, 23-Jan-2010 -- 3º GP

O Kartódromo de Fátima (FUNPARK) foi o palco da a 3ª prova do calendário UMKarting, disputado durante a manhã do dia 23 de Janeiro. O dia apresentou-se com sol, mas a tinha chovido durante a noite e pista encontrava-se molhada, mas foi secando durante a manhã. Inscreveram-se 61 pilotos, mas somente 55 tiveram lugar para disputar as 5 corridas, 2 correspondentes à divisão A (A1 e A2) e 3 à divisão B (B1, B2 e B3). Todas as corridas foram disputadas em karts PCR Honda 390cc.

              Todas as corridas foram muito disputadas. Os vencedores do dia foram Duarte Veiga e João Moreira, nas corridas da divisão A e António Costa (1ª vitória), Gaspar Couto (1ª vitória) e Pedro Barros, mas corridas da divisão B.

             

Corrida A1: Pole-position para Duarte Veiga, com 57.084 s, seguido de João Moreira e Reinaldo Fonseca. De salientar o 9º lugar da grelha alcançado por Gustavo Gonçalves a disputar pela primeira vez uma corrida da divisão A. Após a partida, os cinco pilotos melhor classificados começaram a ganhar vantagem relativamente ao resto do pelotão trocando de posições entre si. Particularmente intensa a meio da prova foi a luta entre João Moreira, Pedro Vidinha, Reinaldo Fonseca e Luís Cunha. Com esta luta, Duarte Veiga acabou por ganhar vantagem suficiente para gerir o resto da corrida. No final o segundo lugar coube a Luís Cunha e o terceiro a Pedro Vidinha. A volta mais rápida da corrida (56.126s) foi efectuada por Reinaldo Fonseca, na 5ª volta.

 

 

 

Treinos

Corrida

Duarte Veiga

57.084 s  

Duarte Veiga

16 Voltas

João Moreira

57.425 s  

Luís Cunha

a 3.237 s

Reinaldo Fonseca

57.431 s  

Pedro Vidinha

a 4.255 s

Pedro Vidinha

57.518 s  

João Moreira

a 5.900 s

Luís Cunha

57.684 s  

Reinaldo Fonseca

a 6.043 s

Carlos Dias

57.965 s  

Victor Neves

a 16.506 s

Carlos Monteiro

57.977 s  

Jorge Azevedo

a 17.117 s

Jorge Azevedo

57.987 s  

Carlos Dias

a 17.354 s

Gustavo Gonçalves

58.047 s  

Carlos Monteiro

a 17.678 s

10º

Victor Neves

58.253 s

Vítor Fernandes

a 19.391 s

 

 

 

 

 

 

Classificaram-se mais 11 pilotos.

 

 

 

Corrida A2: Vítor Fernandes conquistou a pole, com uma vantagem de 0.2 s sobre Carlos Dias e 0.3 s sobre Gustavo Gonçalves, de novo a fazer uns treinos muito bons. Após a partida a luta foi intensa, mas João Carlos Moreira acabou por fazer valer a sua experiência e o seu nível de pilotagem muito acima da média. Conseguiu uma vitória com 1 s de vantagem sobre Pedro Vidinha, a fazer um excelente campeonato, e 3 s sobre Vítor Fernandes. Os azarados da corrida foram Jorge Azevedo, que ficou sem uma roda depois dum incidente de corrida e Luís Gachineiro, com a corrente solta. A volta mais rápida da corrida e do dia foi efectuada por João Moreira (56.125 s) à 14ª volta.

 

 

 

Treinos

Corrida

Vítor Fernandes

56.268 s  

João Moreira

16 Voltas

Carlos Dias

56.408 s  

Pedro Vidinha

a 1.029 s

Gustavo Gonçalves

56.510 s  

Vítor Fernandes

a 3.050 s

Pedro Vidinha

56.581 s  

Duarte Veiga

a 3.414 s

João Moreira

56.695 s  

Jaime Teixeira

a 7.546 s

Jaime Teixeira

56.786 s  

Reinaldo Fonseca

a 17.195 s

Jorge Ribeiro

56.817 s  

Fernando Gomes

a 17.199 s

Jorge Azevedo

56.912 s  

José Moreira

a 17.642 s

Duarte Veiga

56.992 s  

Carlos Monteiro

a 27.587 s

10º

Luís Cunha

57.111 s

Rúben Azevedo

a 290257 s

 

Classificaram-se mais 11 pilotos.

 

Corrida B1: Esta foi a corrida de António Costa. Estreou-se no karting no anterior campeonato e conseguiu a primeira pole-position e a primeira vitória neste 3º GP UMkarting. Conquistou o primeiro lugar da grelha com a pista completamente molhada, com um tempo de 1 min 10.418 s, 3 segundos mais rápido do que André Piton (2º) e Marcelo Moreira (3º). Dada a partida, André partiu melhor, mas foi um dos azarados da corrida. O motor estava a perder óleo para os travões e não conseguiu evitar saídas de pista e uma ida à box para reparar a avaria. António Costa apoderou-se da liderança, mas a meio da corrida, com a pista a começar a secar, começou a ser pressionado por Gerardo Menezes, que o chegou a ultrapassar. Com um instinto de verdadeiro campeão, não desistiu e recuperou a liderança, aproveitando as dobragens a pilotos atrasados para colocar uma vantagem que o pusesse a abrigo de qualquer nova tentativa dos perseguidores. Foi uma vitória brilhante. Destaque para a participação de 2 elementos do sexo feminino, Tírcia Santos e Raquel Vidinha que trouxeram um perfume especial a este campeonato. A volta mais rápida foi efectuada por Daniel Nogueira (1min 01.415 s), na 14ª volta.

 

 

Treinos

Corrida

António Costa

       1’10.418 s  

António Costa

14 voltas

André Piton

       1’13.329 s  

Jorge Rodrigues

a 4.217 s

Marcelo Moreira

       1’13.740 s  

Gerardo Menezes

a 10.925 s

Filipe Cardoso

       1’13.759 s  

Pedro Bessa

a 17.040 s

Daniel Nogueira

       1’14.468 s  

Pedro Oliveira

a 23.146 s

Tiago Pina

       1’14.521 s  

Luís Gonçalves

a 29.758 s

Jorge Rodrigues

       1’14.642 s  

Filipe Cardoso

a 32.231 s

Gerardo Menezes

       1’14.858 s  

George Júnior

a 37.162 s

George Júnior

       1’15.150 s  

António Couto

a 40.182 s

10º

António Pelaez

       1’15.470 s  

Daniel Nogueira

a 44.096 s

 

Classificaram-se mais 12 pilotos.

 

 

Corrida B2: Se a corrida Anterior foi de António Costa, esta foi de Gaspar Couto. Gaspar Couto teve os primeiros pódios na prova anterior, disputada em Oiã, e em Fátima obteve a sua primeira vitória. Fez a pole com 0.3 s de vantagem sobre Daniel Nogueira e o.4 s sobre Nuno Gonçalves. Após um domínio inicial de Luís Mota, a corrida foi pendendo favoravelmente ao Gaspar, terminando com 2.5 s de vantagem sobre Luís Mota e 3.4 s de vantagem sobre Daniel Nogueira. O rookie marco Ivan fez uma grande corrida, terminando pela primeira vez no top-tem. Gaspar Couto fez ainda a volta mais rápida (57.138 s), na 15ª volta.

 

 

 

 

Treinos

Corrida

Gaspar Couto

       58.270 s  

Gaspar Couto

16 voltas

Daniel Nogueira

       58.515 s  

Luís Mota

a 4.217 s

Nuno Gonçalves

       58.601 s  

Daniel Nogueira

a 10.925 s

Luís Mota

       58.802 s  

Pedro Barros

a 17.040 s

Nuno Afonso

       58.875 s  

Nuno Gonçalves

a 23.146 s

Jorge Rodrigues

       59.028 s  

Álvaro Bessa

a 29.758 s

Pedro Barros

       59.398 s  

Germano Pinheiro

a 32.231 s

Pedro Silva

       59.472 s  

Luís Gonçalves

a 37.162 s

Álvaro Bessa

       59.535 s  

Manuel Campos

a 40.182 s

10º

Marco Ivan

       59.665 s  

Nuno Afonso

a 44.096 s

 

 

Classificaram-se mais 12 pilotos.

 

Corrida B3: A experiência do Pedro Barros fez-se notar nesta corrida. Se a sua participação nas corridas UMKarting fosse maior, o Pedro estaria com regularidade na divisão A. A pole (57.663) foi conquistada frente a Nuno Afonso e António Costa (brilhantes treinos destes dois pilotos). Após a partida, Pedro foi gerindo a sua corrida, mas é de salientar a brilhante prestação de Nuno Afonso que ficou somente a 3.67 s. O lugar mais baixo do pódio pertenceu a Gaspar Couto (mais uma grande corrida). Excelente corrida do rookie Germano Pinheiro. Manuel Campos foi o azarado da corrida. Só conseguiu completar 8 das 16 voltas. Pedro barros fez ainda a volta mais rápida (56.934 s), na 8ª volta.

 

 

Treinos

Corrida

Pedro Barros

57.663 s  

Pedro Barros

16 voltas

Nuno Afonso

       58.130 s  

Nuno Afonso

a 3.671 s

António Costa

       58.185 s  

Gaspar Couto

a 10.263 s

Gaspar Couto

       58.197 s  

António Costa

a 12.619 s

Marco Ivan

       58.887 s  

Gerardo Menezes

a 17.385 s

Gerardo Menezes

       58.967 s  

Pedro Silva

a 25.290 s

Pedro Oliveira

       59.072 s  

Nuno Gonçalves

a 28.933 s

Germano Pinheiro

       59.073 s  

Germano Pinheiro

a 32.761 s

Nuno Gonçalves

       59.154 s  

Pedro Bessa

a 35.790 s

10º

Pedro Silva

       59.301 s  

Fernando Menezes

a 50.187 s


Classificaram-se mais 12 pilotos.